top of page
  • Foto do escritorEximio TI

Já temos novidades para a versão 23c do Oracle Database.



A Oracle anunciou uma versão gratuita do Oracle Database 23c. O novo Oracle Database 23c Free — Developer Release atende à crescente demanda de desenvolvedores e organizações em todo o mundo para acessar os recursos mais recentes do Oracle Database 23c “App Simple”. Os desenvolvedores agora têm acesso a recursos inovadores do Oracle Database que simplificam o desenvolvimento de aplicativos modernos baseados em dados, preparando-os para o lançamento planejado do Oracle Database 23c, o próximo lançamento de suporte de longo prazo.

“Com o Oracle Database 23c Free–Developer Release, os desenvolvedores poderão aprimorar suas habilidades e começar a criar novos aplicativos usando recursos inovadores, como o JSON Relational Duality, que unifica os modelos de dados relacionais e de documentos, fornecendo o melhor dos dois mundos, suporte a SQL para consultas Graph diretamente em dados OLTP e Stored Procedures na linguagem de programação mais popular do mundo - JavaScript.”


Colocando os desenvolvedores em primeiro lugar, Oracle Database 23c Free — Developer Release


Oracle Database 23c Free — Developer Release está disponível para download como um arquivo de instalação Docker Image, VirtualBox VM ou Linux RPM, sem exigir uma conta de usuário ou login. Uma versão do Windows está planejada para ser lançada em breve.

“Os desenvolvedores são o eleitorado mais importante na tomada de decisões de tecnologia hoje. Portanto, colocar as ferramentas em suas mãos com o mínimo de atrito é mais importante do que nunca”, disse James Governor, cofundador da RedMonk. “O Oracle Database 23c Free–Developer Release foi projetado para remover obstáculos ao acesso do desenvolvedor, permitindo que os desenvolvedores definam o ecossistema sem exigir permissão. Esta é uma mudança radical para a Oracle.”


O Oracle Database 23c Free–Developer Release inclui:

  • Dualidade relacional JSON: Os desenvolvedores podem criar aplicativos em paradigmas relacionais ou JSON com uma única fonte de verdade e se beneficiar dos pontos fortes de ambos - modelos relacionais e de documentos. Os dados são mantidos uma vez, mas podem ser acessados, gravados e modificados com qualquer abordagem. Os desenvolvedores se beneficiam do melhor dos modelos JSON e relacional, incluindo transações compatíveis com ACID e controles de simultaneidade, o que significa que eles não precisam mais fazer compensações entre mapeamentos objeto-relacionais complexos ou problemas de inconsistência de dados.

  • JavaScript Stored Procedures (alimentado por GraalVM): o código JavaScript agora pode ser executado mais próximo dos dados do que nunca, escrevendo JavaScript Stored Procedures ou carregando bibliotecas JavaScript existentes no Oracle Database. O suporte para código JavaScript melhora a produtividade do desenvolvedor, permitindo a reutilização da lógica de negócios existente diretamente na camada de dados e a reutilização das habilidades do desenvolvedor JavaScript. A invocação de código JavaScript pode ser misturada com SQL e PL/SQL, fornecendo suporte à linguagem de programação poliglota.

  • Esquema JSON: os desenvolvedores agora podem garantir e validar estruturas de documentos JSON por meio de esquemas JSON padrão do setor, permitindo o uso seguro e confiável do formato de dados JSON.

  • Gráficos de propriedades operacionais: os desenvolvedores agora podem criar aplicativos de gráficos de propriedades transacionais e analíticos com o Oracle Database, usando seu novo suporte a consultas de gráficos de propriedades SQL padrão líder do setor, incluindo a execução de análises de gráficos sobre dados relacionais e JSON.

  • APIs Oracle Kafka: os aplicativos Kafka agora podem ser executados nas filas de eventos transacionais do banco de dados Oracle com alterações mínimas de código. Isso permite micros serviços muito mais robustos criados usando eventos transacionais que executam operações de eventos e alterações de banco de dados em uma única transação atômica.

  • Domínios SQL: a nova construção de domínio pode atuar como modificadores de tipo leve que documentam centralmente o uso de dados pretendido, estendendo e melhorando drasticamente os domínios padrão SQL. Isso permite que os desenvolvedores entendam melhor como os dados são usados ​​e melhoram a qualidade geral dos dados, sem a complexidade e incompatibilidade de tipos de dados específicos de uso ou tipos definidos pelo usuário.

  • Anotações: os metadados do banco de dados agora podem ser armazenados diretamente junto com os dados com o novo mecanismo de anotação dentro do Oracle Database. Os desenvolvedores podem anotar atributos de modelo de dados comuns para tabelas, colunas, exibições, índices e muito mais, fornecendo um recurso central, leve e declarativo para registrar e trocar propriedades de uso entre aplicativos. Armazenar os metadados junto com os dados garante consistência e acessibilidade universal a qualquer usuário ou aplicativo que utilize os dados.


Não possui ainda um fornecedor especialista em banco de dados? Então converse agora com nossa equipe: (47) 3053-7082 - comercial@eximioti.com.br






53 visualizações0 comentário
bottom of page