• Jhonata Lamim

OCI - Migrando uma maquina windows VM.Standard2 para VM.Standard.E3

Atualizado: Ago 18


O artigo de hoje tem por objetivo apresentar o processo de migração de uma maquina windows, utilizando um shape VM.Standard2 para o shape VM.Standard.E3, e também poderá ser utilizado como base para o novo shape M.Standard.E4 que está previsto para ser disponibilizado em março.


Vale destacar que não é possível alterar o shape usando um boot volume. Resumidamente, para efetuar a alteração para VM.Standard.E3 é preciso criar uma custom image da instância, editar a custom image para que seja compatível com o shape VM.Standard.E3.Flex, criar a maquina usando essa imagem e alterando a rede como paravirtualized networking.


É importante lembrar que durante a geração da custom imagem, ocorre uma indisponibilidade momentânea do ambiente.


Através da custom image todas as configurações, customizações e software instalados são mantidos na imagem gerada. Já os dados dos discos que estão anexados na instância não são salvos e podem ser migrados movendo o mesmo para a nova instância criada.

  • Vamos ao detalhamento do processo:

A primeira etapa é gerar a custom image da instância que será migrada.

Posteriormente em custom image, se tentarmos criar uma instância a partir da custom image gerada, veremos que somente é possível selecionar os shapes Intel Skylake e Specialty and Legacy, não possibilitando a utilização do AMD ROME (VM.Standard.E3).

Para que seja possível efetuar a conversão do shape para o modelo VM.Standard.E3, alterar a compatibilidade da image. Basta ir em image details e selecionar o shape VM.Standard.E3.Flex.

A partir da image alterada é possível criar a nova instance com o shape VM.Standard.E3. É importante que seja selecionada a opção de rede Paravirtualized networking, caso contrario o driver de rede não será reconhecido.

Concluídas as etapas acima, a instância está migrada para o shape VM.Standard.E3.Flex



Fonte:http://www.lamimdba.com.br/2021/02/oci-migrando-uma-maquina-windows.html

4 visualizações0 comentário